O evento de MMA Qualify Combat que será realizado em Salvador, no...

O evento de MMA Qualify Combat que será realizado em Salvador, no dia 20 de Maio

Compartilhar
O evento de MMA Qualify Combat que será realizado em Salvador, no dia 20 de Maio, às 17h30, no Sol Bahia Hotel, terá inúmeras novidades, entre elas, luta no feminino. As baianas Amanda Ferreira (Horto Fight) e Alessandra Tainara (Nordeste Jiu Jitsu) se enfrentam pela categoria peso mosca (até 57 kg).
Estreante no MMA, Amanda Ferreira, de 24 anos, afirmou que está confiante em uma vitória no primeiro round. “Vou tentar manter a luta em pé, eu sei que ela (Alessandra), vai tentar me levar para o chão, mas confio no que treinei e sei que vou vencer logo no primeiro round” disse.
Sobre mulheres no MMA, Amanda acredita que as lutas femininas vêm crescendo. “Já passou aquele medo de ser um esporte masculinizado. As mulheres estão conquistando o seu espaço no mundo das lutas” afirmou.
Já para a adversária Alessandra Tainara, de 20 anos, promete um bom espetáculo para o público. “Vai ser uma honra pra mim esta lutando no Qualify Combat um dos maiores eventos de MMA  do norte nordeste. O que eu espero da  luta  uma luta dura e  que o público goste, espero fazer a melhor luta da noite, estou treinando bastante, to muito focada e Amanda vai ser mais uma, não tenha nada a falar dela, só posso garantir que vai ser uma luta emocionante, porque o show é pro público” disse.
Sobre o MMA feminino, Alessandra afirmou que o crescimento da modalidade é uma prova de que as mulheres conquistam cada dia mais espaço. “Eu acho muito importante esse crescimento no esporte, nesse momento de forte luta das mulheres por direitos iguais e pra conquistar o seu espaço. E, em minha opinião, as lutadoras de MMA estão aí  pra mostrar que não tem nada que o homem faça que uma mulher não possa fazer” analisou.
Um dos produtores do evento, Leonardo Souza, acredita que o MMA feminino já se tornou um dos maiores eventos do mundo. “O Qualify Combat, assim como os maiores eventos do mundo, aposta no MMA Feminino. A prova desse crescimento foi a luta entre Amanda Nunes e Honda Rousey, onde o UFC colocou como principal do evento. Um dos maiores cachês pagos pelo UFC a um lutador foi para Honda e também o Connor McGregor. O Qualify Combat não é diferente, também acredita no esporte protagonizado por mulheres” afirmou.
Conheça o Card do Evento
Muay Thai 63kg
1 – Tawan Dias ( Demolição) x Aleandro Silva (Espartano Muay Thai )
MMA Amador 120kg
2 – Pedro Acaraje ( Lg System ) x Lidimar Santana ( Art Fight )
3 – Romildo Pinheiro ( Team Rocha ) x Fabio Tosta ( King Star )
MMA Profissional
4 – Mikelle Bragatto ( GFTeam ) x Icaro ” Bad Boy ” ( Champion / Stella Combat ) – Categoria Peso Galo 61kg
5 – Amanda Ferreira ( Horto Fight ) x Alessandra Tainara ( Nordeste Jiu Jitsu ) – Categoria Peso Mosca 57kg
Submission 95kg
6 – Iuri Moura ( Lg System ) x Tarcisio Rocha ( Nordeste Jiu Jitsu )
Submission 84kg
10 – Marcus Araujo ( Demolição ) x Coutinho ( King Star )
MMA Profissional
Wadson Capoeira ( ZMT ) x Tiago Calheiros ( Zero Oito Fight / Nordeste Jiu Jitsu ) – Categoria
Peso Pena 66kg
Lindemberg Lira ( Fight Club ) x Rodrigo Lidio ( King Stat / Nordeste Jiu Jitsu ) – Categoria Peso Leve 70kg
Fabio Andrade ( Team Rocha ) x Roni Abreu ( Nordeste Jiu Jitsu ) – Categoria Peso Galo 61kg
Fabio Meira ( Fight Club ) x Vicente Mateus ( Nordeste Jiu Jitsu ) – Categoria Meio – Médio 77kg
Kaiky Sampaio ( GfTeam / Ouro Thai ) x Bruno Tartaruga ( Nordeste Jiu Jitsu ) – Categoria Peso Pena 66kg
DISPUTA DE CINTURÃO
Sandro Apaga Luz ( V8 MMA ) x Carlos Boi ( Life Team ) – Categoria Peso Pesado 120kg
Marcelo Lins ( MPBJJ Nova União ) x Marcus Marcote ( Nordeste Jiu Jitsu / King Star ) – Categoria Peso Palha 52kg